3 Super Dicas de Produção de conteúdo para SEO

Por que SEO é importante para o reposicionamento dos restaurantes

Já dei diversas dicas de SEO e produção de conteúdo para SEO em conteúdos anteriores. Mas essas 3 dicas vão ajudar muito você a escrever conteúdos de alta qualidade e relevância.

Produção de conteúdo para SEO exige um estudo constante de técnicas de escrita e acompanhamento das mudanças no algoritmo de indexação do Google. Mas também exige criatividade e metodologia.

Essas 3 dicas fazem parte do meu processo criativo de conteúdos em texto são percepções e técnicas que desenvolvi ao longo dos meus 16 anos de experiência com SEO. Lembrando que o objetivo desse conteúdo não é ensinar tudo sobre um processo criativo de conteúdo mas passar dicas que acredito que farão a diferença nos resultados.

1 – Confie no Google, ele sabe o que diz!

Uma das maiores dificuldades que enfrentei no início do aprendizado em produção de conteúdo para SEO foi a definição da estrutura de tópicos do conteúdo. Todo o conteúdo em texto para SEO deve ser planejado para a melhor indexação possível pelo algoritmo do Google. Isso inclui definir até mesmo a ordem das palavras e em qual ordem devem estar o título e subtítulos.

Parece simples, mas definir essa estrutura apenas utilizando o planejador de palavras-chave do Google Ads pode ser cansativo e até mesmo improdutivo. A questão não são quais palavras-chave utilizar e sim títulos e subtítulos que fazem mais sentido para os usuários durante as buscas.

Para isso, a dica é confiar no que o Google sugere para cada busca. Você já deve ter percebido durante buscas no mecanismo de pesquisa que o Google disponibiliza uma série de sugestões de buscas relacionadas a palavra-chave ou expressão pesquisada. Essas sugestões aparecem como “As pessoas também perguntam” entre os resultados orgânicos.

Podemos utilizar essas sugestões como estrutura de tópicos dos conteúdos. E o interessante é que se você clicar em uma ou mais sugestões o Google expande para outras sugestões relacionadas dando a oportunidade de encontrarmos ideias para subtópicos, o que agiliza muito o processo de definição da estrutura.

Vamos ver alguns exemplos relacionados a busca pela palavra SEO e a expansão de sugestões para a palavra

  • O que é e como funciona o SEO?
  • Como funciona o SEO do Google?
  • O que é SEO em marketing digital?
  • Como fazer o SEO do site?
  • Quais são as técnicas de SEO?
  • Como utilizar o SEO no meu site?
  • Qual o objetivo do SEO?
  • O que são técnicas de SEO?
  • O que é SEO para E-commerce?
  • O que é um texto SEO?
  • Como aumentar as buscas no Google?
  • Como vender no tráfego orgânico?
  • Como fazer para ficar em primeiro lugar no Google?
  • Como fazer o seu nome aparecer no Google?
  • Como deixar seu site no topo do Google?

Você pode fazer diversas buscas por palavras-chave relacionadas e utilizar as sugestões de busca do Google para encontrar mais ideias para a estruturação do conteúdo.

2 – Os números não mentem

96% dos brasileiros utilizam a internet para fazer pesquisas sobre produtos e serviços de pequenas e médias empresas, segundo dados de uma pesquisa do Google com a Provokers. 98% utilizam o Google para pesquisar conteúdo, segundo outra pesquisa da StatCounter.

Uma pesquisa realizada pela Oribi mostrou que a busca do Google tem uma taxa de conversão de 2,1%, já os anúncios pagos no Google tem cerca de 2,7% frente ao Facebook que tem uma taxa de 1,8% e Instagram 0,8%. Isso demonstra o potencial de impacto nas vendas que o Google pode gerar para o seu negócio.

Uma pesquisa divulgada pela International Journal of Internet Marketing and Advertising mostrou que empresas em geral recebem uma média de 5 cliques nos resultados de busca para seu site a cada clique em seus anúncios.

As pesquisas são um ponto forte em todo conteúdo para SEO. Elas dão mais veracidade e relevância ao conteúdo gerando grande impacto na taxa de rejeição e em outras métricas de comportamento de leitura. As pesquisas também auxiliam a definir abordagens mais diretas em pontos específicos do conteúdo, enfatizando algum número ou dado que valoriza um tópico que você considera importante.

3 – As autoridades podem confirmar o que você diz

SEO é sobre construir autoridade e não ser o dono da razão! Digo isso porque são os conteúdos que fazem referência a outros conteúdos relevantes. E não estou falando de fazer referência a conteúdos da concorrência mas sim em fazer referências a conteúdos de instituições e empresas que fornecem as soluções que o seu negócio vende.

Por mais que escreva sobre SEO ainda assim eu tenho que beber da fonte, ou seja, do Google! E por que não fazer referência a conteúdos oficiais?

Não podemos esquecer que o usuário em sua grande maioria visita diversos sites antes de decidir por uma compra e que o processo de busca por informações relacionadas ao seu problema leva a leitura de muitos conteúdos. Você não pode evitar esse comportamento, é quase que uma necessidade compararmos várias fontes de informação. Por que então não sugerir outras fontes para o usuário acessar?

Se você verificar no conteúdo Tudo Sobre SEO verá que eu linkei diversas referências a conteúdos do Google. Isso vai agregar muito valor a percepção de marca que o usuário vai ter do seu negócio. No mínimo a referência de que você busca informações de alta relevância para afirmar o que está falando.

Solicite o contato e tenha um mês gratuito de planejamento SEO + Google Ads para o seu restaurante

    Leave a Reply

    Your email address will not be published.